Veja a vida pelo buraco da agulha


Veja a vida por um outro ângulo

 São inúmeras as razões que fazem com que uma pessoa procure alguma atividade manual.










Existe um momento na vida, em que a gente percebe a necessidade ampliar os horizontes e ir além das atividades que já se tornaram rotineiras e mecânicas.


 Naturalmente, temos a costura em nosso histórico familiar. Tem sempre alguém na família que remenda as coisas, que prega botão, que borda, faz roupinhas de boneca e de gente miúda e grande... E esta historia familiar vai habitando o nosso inconsciente!Então chega um momento em que a necessidade de criar, de dar vida às ideias, de provocar um novo aprendizado, de conviver em círculos criativos, vem com toda força. E as linhas e as agulhas pedem passagem neste imaginário que tem história.

      

Curiosamente este desejo de estar entre as linhas, as agulhas e a máquina de costura, não tem idade. O que leva uma pessoa a entrar neste ciclo e envolvida com a criação, é  maneira de se perceber.
E podemos enumerar as diferentes formas como isso acontece:


1- na volta do olhar para si e do questionamento sobre como se tem utilizado o tempo, por menor que seja;

2- na ousadia de buscar o desconhecido, e na coragem de se sair da zona de conforto;

3- na necessidade de ativar as memórias familiares;



4- na percepção de que a nossa mente necessita se exercitar, explorando a criatividade;



5- na necessidade de convivência em grupo e escreveria muitos mais motivos que podem ser citados por vocês nos comentários.


 O Atelier Catavento, prioriza o trabalho com iniciantes. Mas quando falamos iniciantes, estamos dizendo daquela pessoa que não sabe se tem que apertar alguma coisa para a máquina costurar, que não sabe colocar linha na agulha, que você pede para "bater" uma costura e ela bate no pano, que você pede para levantar o pezinho ( se referindo ao pé da máquina) e ela levanta o seu próprio pé, que você pede para colocar linha dupla na agulha e tenta passar duas linhas de uma vez só pelo buraco da agulha e por aí vai.
Somos apaixonadas pelo que fazemos e cada dia mais, realizadas por participarmos das descobertas pessoais das nossas alunas e das habilidades que vão brotando a cada aula.

Parabéns a todas vocês que ousam, que se aventuram, que se lançam na criação, que mais realizam e vibram do que encontram defeitos, que se dão uma chance de resgatar suas potencialidades. Saiba mais sobre os cursos do 2º semestre. Cique aqui





Costura Criativa 2017


Costura não é bicho papão!

                      CURSOS 2017




Se você é daquelas pessoas que só de ver um tecido, aviamentos e linha, imagina mil e uma possibilidades mas não sai do lugar, você encontrou o curso certo.
Venha descobrir possibilidades e talentos.
Estamos no bairro Gutierrez -Belo Horizonte
Contato: (31)98746-2140 ( Whatsapp)
E-mail: ateliercatavento@outlook.com
Instagram: @ateliercataventobh


Vagas disponíveis  para iniciantes na costura
Início dia 1º de agosto de 2017
Investimento: 380,00 - 2 horas de aulas semanais

Básico 1 e 2 
Indicado para quem nunca costurou e quer começar do "zero". Também para quem já costurou um dia e perdeu a afinidade com este universo da costura.
Este curso é formado em dois módulos, ou seja, 8 aulas.
Objetivos:
Ao final deste módulo o aluno deverá:

  • Saber manejar a máquina sem ajuda;
  • Conhecer os principais problemas que acontecem durante a costura e saber solucioná-los em pelo menos 80% das situações;
  • Dominar a costura reta;
  • Pregar botão;
  • Diferenciar e aplicar tipos de mantas e enchimentos.
  • Aplicar viés
Segunda-feira
De 13:30 às 15:30 ou
De 16:00 às 18:00 

Ou
Terça-feira
De 13:30 às 15:30 ou
De 16:00 às 18:00

Ou ainda Terça-feira 
De 19:00 às 21:00


Saiba mais sobre nós. Clique aqui

Costura nível intermediário

Vagas para quem já sabe costurar
Investimento: 480,00
Manhã: De 9:00 às 12:00 - 3ª , 4ª e 5ª 
Tarde: De 14:00 às 16:00 - 4ª e 5ª
Noite: De 19:00 às 22:00 - 2ª e 4ª

Intermediário 
Indicado para quem fez o módulo 1 e 2  ou que já domina grande parte das habilidades citadas acima.

Objetivos:
Ao final deste módulo, o aluno deverá estar apto para:
  • Aplicar viés;
  • Reconhecer diferentes formas de embutir costuras;
  • Conhecer e dominar a técnica de colocação de entretela;
  • Fazer aplicação à mão e à máquina.
  • Costura curva;
  • Franzido;
  • Diferentes técnicas de patchwork;
  • Colocação de diferentes ferragens (mosquetão, fechos, argolas, ilhós, cantoneiras, arrebite, botões de metal...), em acessórios diversos;
  • Diferentes itens de acabamento e sua utilização: colocação de elástico, passamanarias, ponto palito, sianinha, pompons, cadarços, fitas, rendas dentre outros;
  • Estruturação de bolsas e acessórios com a técnica "doublê" .

Crochet - Curso permanente
Neste curso você aprenderá de forma gradativa os pontos necessários para criar almofadas, blusas, bolsas, mantas e o que mais a sua imaginação permitir.




Bordado - Curso permanente
Você pode ser iniciante ou estar em um nível mais avançado. Cada aluno desenvolverá pontos e projetos pessoais.



 Vagas para bordado e crochet
Iniciantes ou para quem já sabe bordar ou crochetar
Investimento:480,00 - 3 horas semanais


Segunda-feira - De 19:00 às 22:00
Terça-feira - De 14:00 às 17:00
Quarta-feira - De 14:00 às 17:00

Algumas observações 1- O número de vagas é de até 6 alunos por turma, sendo que  para abrir uma turma, são necessários 4 alunas.

2- O Atelier não oferece aulas avulsas. O curso é oferecido em módulos de 4 aulas de 2 horas cada para iniciantes e de 3 horas para quem quer aperfeiçoar. O aluno vai progredindo a medida que avança nos módulos. 

O tempo médio para você alcançar autonomia e costurar o que quiser é  de pelo menos 6 meses.                       

Para o início do curso, o aluno será considerado inscrito, mediante depósito de 50% do valor. Solicitar conta para depósito por e-mail: ateliercatavento@outlook.com ou pelo whatsapp: (31) 98746-2140

Ø     Em caso de desistência em até 3 dias úteis antes da data de início do curso, será devolvido o valor do depósito na íntegra. Após esse prazo, ao contrário, não haverá devolução.

ØCaso o aluno interrompa o curso com o módulo em andamento, o Atelier não se vê obrigado, a devolver o valor pago e tampouco descontar estas aulas, caso haja retorno do aluno em qualquer outro período.
Ø     O valor de cada módulo para iniciantes é de 380,00, pagos sempre no início de cada um deles e o material que porventura seja adquirido no Atelier Catavento,  será acertado no final de cada módulo, isto é, ao final de cada 4 aulas.
Ø     Não trabalhamos com cartão. Os pagamento devem ser efetuados com dinheiro ou cheque. 

ØPedimos que caso haja transferências dos valores para pagamento do custo do material, utilizado durante o módulo e pagamento dos módulos seguintes, que estas sejam feitas no dia do acerto e não posterior às aulas.


3- Se houver feriado no dia da aula, haverá reposição da mesma.
O aluno pode repor uma falta  dentro do mesmo mês, caso haja vaga em outros horários. 
Uma vez marcada a reposição, se o aluno faltar, não haverá remarcação.
Não existe a situação de iniciar o módulo, interromper e voltar em outro mes. Casos especiais serão analisados pelo Atelier.

4- O aluno pode adquirir o material em qualquer loja ou , se desejar, adquiri-los no próprio Atelier.

5- Para o módulo 1 de costura  o material gasto em cada aula é estimado entre R$12,00  e R$27,00.

6- O aluno desde já autoriza a postagem de fotos nas redes sociais, em que ele apareça nas aulas do Atelier, sem receber quaisquer remunerações por tais publicações. Caso o aluno não concorde, deverá se manifestar contrariamente.

7 - O aluno deverá ter como material individual:
Ø     2 tesouras: uma para tecido e outra para mantas
Ø     alfinetes
Ø     fita métrica
Ø     agulha para bordado 
Ø     lápis 6B
Ø lapis branco
Ø cola em bastão
Ø cola para tecido- frasco pequeno
Ø giz de alfaiate
Ø passador de elástico
Ø abridor de casa
Ø    cortador circular de 45mm
Ø    mesa de corte e régua de patchwork de 60cm

OBS: Estes materiais podem ser adquiridos no atelier.

8. Aceitamos  sugestões de ideias das alunas para confecção das peças, desde que já tenhamos feito anteriormente e estejamos seguras da confecção. 

 Tudo bem! Vamos concordar que no início você desmancha bastante, a costura fica torta, sobra tecido, fica franzido e tudo mais. Mas você só aprende a costurar, costurando, pegando na agulha, experimentando a máquina errando e acertando. É aí você sente despertar o seu potencial.
Com toda a nossa experiência nunca vimos uma pessoa, por mais desajeitada que fosse, que não tenha saído daqui com uma costura pronta na primeira aula. E olha que tem passado por aqui pessoas que nem sabem o que é colocar linha dupla na agulha, que não sabiam que máquina tinha pedal e muito menos ouviram falar em alinhavo. Partindo totalmente do "zero", levaram peças belíssimas e super úteis para a casa, para presentear e  já estão inclusive recebendo encomendas.
Já no primeiro mês de aula, não entendiam como conseguiram viver tantos anos sem uma máquina de costura.

Por estes e tantos outros fatos, acreditamos que costurar, para a maioria das mulheres, sempre foi e sempre será um desejo íntimo!
Mais do que a peça pronta, nada paga o sorriso de satisfação e a transbordante alegria do " eu consegui"! Isso de fato é impagável.







Costura Criativa

MUITO MAIS QUE UMA COSTURA CRIATIVA


Somos a Cláudia e a Ângela.
Não sabemos ao certo se é a costura que é criativa ou se é o ambiente que favorece tanta criatividade e felicidade!



As pessoas entram para aprender a costurar. Mas aos poucos, vão descobrindo que além de costurar, aqui é um lugar de encontros e de muita diversão também.



Lugar de trocas afetivas, de convivência saudável e de se entregar totalmente ao momento.



No princípio nós pensávamos em ensinar a costurar. De fato continuamos a ensinar costura. Mas aí foram aparecendo as demandas e fomos atendendo a todas elas, com as habilidades que temos. Só não ensinamos corte e costura. O resto, ensinamos quase tudo. A gente canta e toca violão nas aulas, damos receitas de bolo e várias gostosuras que ensinamos aqui, falamos sobre nossas dificuldades e ouvimos muito, respeitamos a caminhada de cada aluna e aprendemos muito também, muito mesmo. Se duvidar, aprendemos mais que elas.






Cada aluna vai encontrando seu lugar no atelier e se encontrando interiormente também. Um lugar que quem chega, não quer sair e nem nós deixamos também. (rsrsrs)
São muitos os motivos que trazem as alunas ao atelier. Maiores ainda são os motivos que elas encontram para ficar.
Outro dia uma aluna disse: " Interrompi o curso por causa da crise do país. Não consegui mudar nada porque saí das aulas. Então resolvi voltar e me ligar na vibração desse lugar. Aqui tenho 3 horas semanais de prazer garantido".







Sinceramente...
Quando a gente vê a pessoa que além de aprender a costurar, tricotar, bordar ou seja lá o que for, também aprende a perceber-se, a encontrar um lugar seguro dentro dela, a compreender que tudo é difícil até dominarmos a técnica, que é errando e acertando que caminhamos, que o que se aprende aqui é extensivo às situações da vida e tantas outras aquisições, acreditamos que é sonhando o sonho de cada uma das nossas alunas, que crescemos e fazemos deste atelier um lugar inesquecível, uma experiência indelével nas nossas vidas e de nossas alunas.



E em suas bagagens, vão levando a certeza que devemos dar uma chance para o novo, que nunca é tarde para aprender, de que qualquer motivo para NÃO estar aqui, é o mesmo motivo PARA ESTAR. Estamos dizendo, qualquer motivo mesmo!

Costura Criativa 2017


Costura não é bicho papão!

                      CURSOS 2017


Se você é daquelas pessoas que só de ver um tecido, aviamentos e linha, imagina mil e uma possibilidades mas não sai do lugar, você encontrou o curso certo.
Venha descobrir possibilidades e talentos.
Estamos no bairro Gutierrez -Belo Horizonte
Contato: (31)98746-2140 ( Whatsapp)
E-mail: ateliercatavento@outlook.com
Instagram: @ateliercataventobh

Inicio das aulas:  1º agosto de 2017
Horário para alunas iniciantes
Tarde: 13:30 às 15:30 ou 16:00 às 18:00
O curso para iniciantes está estruturado em 2 módulos.

Horários para alunas que já sabem costurar:
Manhã: 9:00 às 12:00
Tarde: 14:00 às 17:00
Noite: 19:00 às 22:00


1- O número de vagas é de até 6 alunos por turma, sendo que  para abrir uma turma, são necessários 4 alunas.

2- O Atelier não oferece aulas avulsas. O curso é oferecido em módulos de 4 aulas.  Para o início do curso, o aluno será considerado inscrito, mediante depósito de 50% do valor. Solicitar conta para depósito por e-mail: ateliercatavento@outlook.com
Ø     Em caso de desistência em até 3 dias úteis antes da data de início do curso, será devolvido o valor do depósito na íntegra. Após esse prazo, ao contrário, não haverá devolução.
Ø  O valor de cada módulo é de Iniciantes: 380,00, com duas horas semanais ou intermediário 480,00, com 3 horas semanais.
  Ø Os módulos são pagos sempre no início de cada um deles, e o material que porventura seja adquirido no Atelier Catavento, poderá ser acertado no final de cada módulo.
Ø     Não trabalhamos com cartão. Os pagamento devem ser efetuados com dinheiro ou cheque. As transferências dos valores são aceitas, no momento do acerto e não posterior às aulas.


3- Se houver feriado no dia da aula, haverá reposição da mesma.
O aluno pode repor uma aula por módulo com reposição dentro do mesmo mês, caso haja vaga em outra turma. Não existe a situação de interromper o módulo já iniciado para continuar em outro mês. Em casos especiais, aprovados por nós, o aluno poderá retornar em até 30 dias.

4- O aluno pode adquirir o material em qualquer loja, ou, se desejar, adquiri-los no próprio Atelier.

5- Para o curso básico de costura  o material gasto em cada aula é estimado entre R$12,00  e R$27,00. Para os demais módulos o material varia até 50,00 dependendo da peça.

6- O aluno desde já autoriza a postagem de fotos nas redes sociais, em que ele apareça nas aulas do Atelier, sem receber quaisquer remunerações por tais publicações. Caso o aluno não concorde, deverá se manifestar contrariamente.

7 - O aluno deverá ter como material individual:
Ø     2 tesouras quaisquer: uma para tecido e outra para papel
Ø     alfinetes
Ø     fita métrica
Ø     agulha de mão
Ø     lápis 6B
Ø  lápis branco
Ø     cortador circular 
Ø     mesa de corte e régua de patchwork de 60 cm.
Ø Cola em bastão
Ø um frasco pequeno de cola para tecido
Ø giz de alfaiate

 Tudo bem! Vamos concordar que no início você desmancha bastante, a costura fica torta, sobra tecido, fica franzido e tudo mais. Mas você só aprende a costurar, costurando, pegando na agulha, experimentando a máquina errando e acertando. É aí você sente despertar o seu potencial.
Com toda a nossa experiência nunca vimos uma pessoa, por mais desajeitada que fosse, que não tenha saído daqui com uma costura pronta na primeira aula. E olha que tem passado por aqui pessoas que nem sabem o que é colocar linha dupla na agulha, que não sabiam que máquina tinha pedal e muito menos ouviram falar em alinhavo. Partindo totalmente do "zero", levaram peças belíssimas e super úteis para a casa, para presentear e  já estão inclusive recebendo encomendas.
Já no primeiro mês de aula, não entendiam como conseguiram viver tantos anos sem uma máquina de costura.

Por estes e tantos outros fatos, acreditamos que costurar, para a maioria das mulheres, sempre foi e sempre será um desejo íntimo!
Mais do que a peça pronta, nada paga o sorriso de satisfação e a transbordante alegria do " eu consegui"! Isso de fato é impagável.




Informações sobre os cursos - 2017

Iniciantes 
Indicado para quem nunca costurou e quer começar do "zero".
Objetivos:
Ao final deste módulo o aluno deverá:
  • Saber manejar a máquina sem ajuda;
  • Conhecer os principais problemas que acontecem durante a costura e saber solucioná-los em pelo menos 80% das situações;
  • Dominar a costura reta e zig zag;
  • Pregar botão;
  • Aplicar viés;
  • Diferenciar e aplicar tipos de mantas e enchimentos.
  • Saber aplicar diferentes itens de acabamento e sua utilização: passamanarias, ponto palito, sianinha, pompons, cadarços, fitas, rendas dentre outros;

Intermediário 
Indicado para quem já teve algum contato com a máquina de costura ou já tem algumas habilidades do básico 1.
Objetivos:
Ao final deste módulo, o aluno deverá estar apto para:
  • Pregar elástico;
  • Reconhecer diferentes formas de embutir costuras;
  • Saber colocar fecho-éclair;
  • Conhecer e dominar a técnica de colocação de entretela;
  • Fazer aplicação à mão e à máquina.
  • Fazer costura curva;
  • Franzido;
  • Colocação de diferentes ferragens (mosquetão, fechos, argolas, ilhós, cantoneiras, arrebite, botões de metal...), em acessórios diversos;
  • Diferentes itens de acabamento e sua utilização: passamanarias, ponto palito, sianinha, pompons, cadarços, fitas, rendas dentre outros;
  • Estruturação de bolsas.

Crochet e Tricot- Curso permanente
Neste curso você aprenderá de forma gradativa os pontos necessários para criar almofadas, blusas, bolsas, mantas e o que mais a sua imaginação permitir.

Bordado - Curso permanente
Você pode ser iniciante ou estar em um nível mais avançado. Cada aluno desenvolverá pontos e projetos pessoais.

SONHOS E ATITUDES - UMA PARCERIA INEVITÁVEL

Você vai de encontro aos seus sonhos? 


Se a sua resposta foi sim, então está certíssimo! 
Guiar-nos pelos sonhos inspira o nosso dia a dia, as nossas buscas e nossas escolhas. Por outro lado, o sonho está relacionado com a crença em nós mesmos. Se nos sentimos capazes, significa que a auto estima está no ponto certo e por isso buscamos atividades que desencadeie sensação de bem estar. É um movimento cíclico gerador de bons fluídos que impulsionam ações e sensações, e que nos levam a acreditar que podemos ir além e tomar algumas atitudes para fazer acontecer.

1-Sair da rotina e inovar colocando uma atividade criativa em sua rotina para ser, não só uma válvula de escape, mas também uma válvula geradora de desejos para transformar ideias em atitudes.


2- Vibrar  
A vibração das pessoas que se dispõem a irem de encontro ao desconhecido e aceitarem seus resultados como parte do processo, recarregam suas energias para continuarem perseguindo os sonhos. E não importa o quão ocupado você seja.


3- Seguir a intuição
Aposte na sua intuição aliada à capacidade de calcular alguns riscos (razão).
Pense quantas foram as vezes que você solucionou algo através de uma ideia ou ação intuitiva. Ouça a sua voz interna. Procure o equilibro entre a razão e a emoção e na dúvida, siga o caminho do seu coração!


4- Trocar experiências  

A sinergia  recarrega as baterias para as obrigações da semana e para continuarem perseguindo seus sonhos.


5-Permitir-se 
Dar-se um tempo, viver o presente e acreditar que você pode, são permissões que podemos aprender e desenvolver atitudes para colocá-las em prática.



O QUE AS CRIANÇAS APRENDEM NA COZINHA?


BELEZA SE PÕE À MESA


Beleza se põe à mesa, sim!

O texto abaixo não é de minha autoria, mas comungo todas as premissas que constam nele. Ele foi compilado do site da Paty Feldman. Tem tudo o que eu gostaria de ter escrito.
O que as crianças podem aprender enquanto cozinham?
Cozinhar é uma coisa que as crianças gostam quase tanto quanto comer. Elas adoram o processo todo de medir ingredientes, adicioná-los, criar formas, cores e texturas inusitadas e depois comer aquilo que produziram com tanta alegria. Até mesmo muitos adultos adoram ver prontas suas invenções culinárias, principalmente quando são elogiadas.

As crianças nem se dão conta do quanto estão aprendendo em meio a tanta diversão. Se você se perguntar o que exatamente as crianças estão aprendendo enquanto cozinham, talvez você se surpreenda com a quantidade de informações úteis que elas absorvem lavando, medindo ou cortando ingredientes, cozinhando ou assando – com você ou sozinhas, neste caso os mais velhos.

Sem contar o fato de quando cozinham, ou ao menos ajudam na cozinha, as crianças ficam muito mais receptivas a novos sabores e texturas. Aceitam mais variedades de alimentos. Ótimo!

Matemática: Contar, fracionar, medir (volume), pesar, seqüenciar (o que vem em 1o., 2o., 3o., etc)
Formas
Cores
Resolução de problemas, caso algo dê errado

Leitura: Melhora a capacidade da criança em ler – ela pode e deve ler receitas
Incrementa o vocabulário
Ciências:
Aprende os diferentes grupos alimentares
Aprende a experimentar
Estados físicos: gasoso, líquido e sólido
Crescimento dos alimentos
Alterações nos alimentos durante o cozimento
Desenvolve os 5 sentidos: paladar, tato, audição, visão e olfato
Observa processos de fermentação, fervura, etc

Geografia:Receitas típicas regionais (e se você tiver um mapa-mundi em mãos, pode mostrar onde se localiza cada país das receitas em questão)
Tipo de solo adequado para cada tipo de alimento (também pode ser mostrado em mapas, as crianças adoram!)

Artes: Criação, criatividade, invenção suas próprias receitas

História: Receitas históricas – associar o período em que a receita foi criada/consagrada com fatos históricos ocorridos na mesma época
Receitas de família – a criança aprende suas próprias tradições familiares, a sua história familiar

Saúde: Como comer de forma saudável
Como escolher ingredientes mais saudáveis

Boas maneiras:
Responsabilidade
Bons modos à mesa
Segurança
Limpeza
Trabalho em equipe
Compartilhar
Melhorar a auto-estima

Coordenação Motora:
Picar, misturar, bater, triturar, pulverizar, enrolar, etc ajuda a desenvolver a coordenação motora

É realmente incrível pensar em como uma única atividade reúne tanto ensinamento, além de ser uma diversão e tanto entre pais e filhos. É uma oportunidade que não deve ser perdida! Se a criança não leva jeito para cozinhar, que ao menos descasque e pique frutas, ou batam uma vitamina no liquidificador.Já é o bastante para um bom começo.



COSTURA ENTRE AMIGAS.

Lúdico e educativo!



Para os pais, promover uma tarde junto com as amigas, em uma atividade lúdica, prazerosa e educativa, não tem preço!
Assim foi a tarde de hoje no atelier. 


Um grupo de amigas se reuniu para desenvolver um projeto de costura.  rir bastante e saborear um lanche gostoso. Levaram para casa não só um produto bonito mas cheio de aprendizado e memórias de uma construção coletiva.

Nas máquinas, pés no pedal e nas nas mãos: agulhas, linhas, capricho e...voilá! 


Celulares e tabletas cederam lugar à tecidos coloridos que ganharam formas de bonecas em almofadinhas para abraçar.


Bocas e olhinhos coloridos, bochechas rosadas e laços, encheram uma tarde colaborativa, tirando o foco da individualidade e proporcionando a trocas de ideias e ajuda mútua.


EMPREENDEDORISMO E O PAPEL DA FAMÍLIA


Você já sabe que a criança vive cheia de ideias! Algumas fantasiosas e outras possíveis de serem realizadas. 
Tudo o que precisamos fazer é saber identificar aquelas que podem tomar corpo e dar apoio ajudando a se tornarem reais. Ou mesmo deixando acontecerem outras que apesar de alertarmos, a criança insiste em querer fazer. Dessa forma ele aprenderá também com o erro, desde que tenhamos a visão de que a frustraçÃo faz parte do aprendizado.
A validação da família, é o primeiro passo para que a criança se perceba capaz de conceber ideias criativas ou simplesmente ideias. Das coisas mais simples como criar presentes, montar um café da manhã para um aniversariante da casa, receber os amigos para  uma tarde de brincadeiras ou montar uma festa surpresa, são alguns dos tantos exemplos. Se a família der dimensão ao pensar da criança, ajudando a organizar o que ela imaginou, já é um grande passo para a educação empreendedora.
A criança não precisa necessariamente fazer tudo, mas sim encontrar meios para que a ideia seja executada. O espírito empreendedor pode ser trabalhado mostrando a ela que as pessoas  podem ajudar ( parceiros), contribuindo com sugestões para que ela faça o que esteja ao seu alcance de acordo com a idade, como por exemplo:  fazer os convites, divulgar, pensar no menu, selecionar materiais...

Outro dia recebei um telefonema:
-Tia, você tem uma caixa de som, um microfone e música de festa junina para me emprestar?
-Sim, eu tenho! Acho que tenho! Para que?
-É que eu vou fazer uma festa junina e preciso disso tudo para puxar a quadrilha!



Então veio a mãe conversar comigo:
- O Gabriel quer fazer uma festa junina para os amigos e as crianças da família. Nós achamos que deveríamos incentivá-lo para que ele tenha confiança em suas próprias ideias. Por causa do seu atelier, ele tem em mente que você tem tudo o que é necessário para fazer qualquer coisa e por isso começou verificando se você tinha mesmo. Depois ele fez um comentário muito curioso:
- Mãe, a tia Tadá falou que vai olhar se tem?! 
- Que esquisito! Será que ela não sabe que tem de tudo?
Isso é porque em suas visitas aqui, ele sempre vê o atelier como um lugar cheio de possibilidades para suas ideias.

- E como você conduziu este desejo?
- Primeiro ele teve esta ideia em um momento que estava recortando papéis, junto com a avó dele.Teve que conversar com os avós e perguntar se poderia ser na casa deles. Depois perguntou a babá se ela poderia comprar algumas coisas para enfeitar. Ela concordou e deu várias ideias. Fomos mais adiante pensando o que serviríamos para os convidados.
- De onde veio essa ideia?
- Neste ano, a turminha dele da escola dançou a tradicional quadrilha que foi "puxada"pelo professor de Educação física. Como ele decorou toda a fala do professor, julga que sabe  fazer as pessoas dançarem também. Então estamos dando aquela força para ele saber que podemos sair do campo das ideias e fazermos as coisas acontecerem. 

De fato, fiquei encantada como toda a família se mobilizou.
Os avós conseguiram vários enfeites emprestados e a decoração ficou por conta da babá. Lá fui eu levando tudo o que me pediu e a ajudante da casa fez o cardápio que ele elaborou com os pais: canjica, milho cortado em rodelinhas, pipoca, caldo de mandioca e ainda preparou alguns espetinhos para um churrasquinho na chapa.
A parte dos convidados foi muito interessante porque além dos primos e alguns amiguinhos, várias amigas da avó que ele havia conhecido em uma festa e julgou-as animadíssimas, também fez parte da lista de convidados.




Enfim, chegou o grande dia e lá estava ele vendo a proporção da sua ideia e o resultado de uma atitude empreendedora que foi garantida pelos pais que validaram a sua ideia. 
No hora da quadrilha, vou confessar que houveram momentos em que eu pensei: agora ele vai perder o controle da situação! A caixa de som era pequena demais e não alcançava grandes distancias. Teve um momento que ele deu um grande espaço entre uma fala e outra e pensei que ele havia esquecido o próximo passo. Tentando ajudar eu disse: agora, o caracol! E ele veementemente me corrigiu:
- Não, tia! Agora não! Eles ainda tem que fazer o "cestinho de flores e o voa gavião". 
Então percebi o quanto protegemos as crianças evitando que elas pensem uma estratégia ou não se exponham ao erro. E se ele tivesse esquecido? Qual o problema? Será que ele não teria passado a" bola" para frente? Será que ele não inventaria qualquer outro passo?



Ele teve iniciativa, planejou, usou a criatividade, calculou os riscos , inovou com uma festa na família que já disseram os avós, que fará parte do calendário todos os anos. 

Pequenas, médias ou grandes ações empreendedoras podem ser realçadas desde a mais tenra idade e decididamente a família é o lugar e o espaço para aprender a ser.






COLÔNIA DE FÉRIAS -

Colonia de Férias - 2015



Está chegando a temporada mais esperada pelas crianças mas que pode se tornar um transtorno, caso não seja bem planejada. A Colonia de férias do Atelier Catavento segue a mesma proposta das oficinas que acontecem ao longo do ano. Saiba mais clicando aqui.
O Atelier propõe atividades lúdicas, educativas e empreendedoras para crianças e jovens até 12 anos.
Nada melhor saber que seus filhos estão ocupando um tempo livre com atividades que agregam valores importantes como a perseverança, a organização pessoal, o desenvolvimento da autonomia para saber ser e estar sem a presença dos pais em em diferentes situações de convívio, além de outros ganhos como por exemplo desenvolver o senso empreendedor dentro de cada atividade proposta, desenvolvendo a auto-estima e acreditando no seu potencial criativo.
As atividades atendem  separadamente os interesses de cada idade. Sendo assim, uma menina de 7 anos por exemplo, não precisa aprender a se maquiar porque esta demanda acontece com meninas que estão entrando na adolescência. Da mesma maneira que uma aula de tranças para o cabelo, não sendo comum atender aos interesses dos meninos, eles são direcionados para a culinária, arte sustentável ou fotografia por exemplo.
Se levarmos em consideração o modelo de família em que o homem divide as tarefas em casa, ou passa uma boa parte do tempo com os filhos, ou mora sozinho, este necessita e muito saber como prender um cabelo, pregar um botão, preparar um lanche rápido e mais, conhecer sobre organização para conseguir dividir o tempo entre suas próprias atividades e interesses e às demandas da rotina dentro de uma casa. Todo o aprendizado se dá a partir de atividades divertidas, curiosas, instigantes e desafiadoras.
- Fotografia
- Costura
- Culinária
- Estilo
- Etiqueta
- Arte e artesanato.
- Organização Pessoal

Conheça um pouquinho mais clicando aqui.

Equipe:

Cláudia Tôrres - Culinária e Fotografia
Ângela Padilha - Costura e Arte
Regina Carvalho - Moda e Estilo
Cláudia Braga - Organização Pessoal - Artesanato

Horário: 14:00 às 17:00





COSTURA À MÁQUINA PARA INICIANTES


Costurar ainda é o sonho de muitos adultos. Não necessariamente para criar uma peça de roupa, mas para dar forma e vida às ideias por meio dos tecidos. Desde o início do Atelier, inúmeros foram os pedidos para este mini curso. Aproveitando as férias de julho, montamos uma série de 8 aulas que vai ensinar desde colocar a linha na agulha, até fazer pequenos projetos de peças utilitárias como: necessaire, bolsas, sacolas, jogo americano, dentre outros mimos para sua casa e também para presentear.
E também aquelas pessoas, que já tiveram uma experiência com a máquina de costura e esqueceram a prática, este mini curso também é adequado!

Um outro pedido muito comum é de costura mãe e filha.
Está valendo com crianças a partir de 8 anos. Pense que programa interessante pode ser este para as férias. Não somente porque você irá aprender muitas coisas, mas também pela oportunidade de saborear momentos tão agradáveis de descobertas. São muitas as possibilidades que juntas podem alcançar, estreitando ainda mais os laços da convivência afetiva e construtiva.

Tudo pronto esperando por você!


MODA e ESTILO

Mini Curso- Moda estilo e comportamento - 4 aulas


Sabemos que mais do que estar na moda, o estilo é algo muito marcante que define as pessoas. O estilo está relacionado a alguns aspectos e dentre eles o comportamento, os cuidados consigo mesma, e à moda.
Então?
Que tal saber organizar o seu guarda-roupa com peças que você já tem estabelecendo critérios para combiná-las?
E mais. Saber reaproveitar alguma peça que não te serve mais, customizando-a e dando uma nova função a ela.
Pense que saber se maquiar adequadamente influencia bastante no seu visual. Um cursinho de auto-maquiagem ajudaria bem, não é?
Venha então participar deste mini curso com 4 aulas e você aprenderá:

  1. Como fazer sua maquiagem
  2. Como organizar o seu armário e combinar as peças
  3. Algumas dicas de customização
  4. Penteados rápidos que você pode fazer sozinha
  5. Algumas posturas que vão te ajudar a mostrar o seu estilo.
Estamos te esperando.
Contato: ateliercatavento@outlook.com
Veja a programação clicando aqui